Programa de reintegração de usuários de drogas de Primavera do Leste deve ser usado como exemplo para todo o Estado. É o que defende Marcos Machado parabenizando iniciativa do prefeito Érico Piana (DEM) de integrar ações da Prefeitura com as policias Militar, Civil e Federal e com o MP, Cruz Vermelha, Defensoria Pública e Judiciário para enfrentamento dessa grave situação social

O desembargador Marcos Machado com o prefeito Erico Piana durante visita ao albergue municipal de Primavera do Leste nesta sexta-feira (17). O magistrado gostou do que viu no município.

O desembargador Marcos Machado com o prefeito Erico Piana durante visita ao albergue municipal de Primavera do Leste nesta sexta-feira (17). O magistrado gostou do que viu no município.

Nesta sexta-feira (17), o desembargador Marcos Machado do Tribunal de Justiça de Mato Grosso esteve visitando o município de Primavera do Leste (234 km de Cuiabá), onde veio conhecer programa organizado pelo Grupo de Gestão Integrada visando a reintegração social de pessoas em situação de rua, notadamente devido ao vicio das drogas.

O magistrado acompanhou de perto o trabalho desenvolvido em conjunto pela Prefeitura Municipal de Primavera do Leste através das suas secretarias de Saúde e Assistência Social, Policia Militar, Policia Civil, Policia Federal, Defensoria Publica, Ministério Publico, Cruz Vermelha e entidades comunitárias para recolhimento, identificação e encaminhamento de pessoas que vagavam pelas ruas da cidade, muitas delas dependentes químicos. Essa foi a segunda operação realizada com esse objetivo neste ano de 2014.

Ao lado do prefeito Érico Piana, do secretário de Saúde Fabio Lago, da secretária de Assistência Social Márcia Rutili, dos juízes Eviner Valério e Wandinelma dos Santos, Marcos Machado participou das diligências e identificaram e recolheram mais de 30 viciados que deverão agora ser encaminhados ao albergue municipal para um processo de triagem, que visa identificar seus vínculos familiares, e, posteriormente, para internação compulsória, nos casos mais graves, visando a sua desintoxicação e recuperação da sua condição de trabalho e de convívio social.

“O que o prefeito Érico Piana e demais autoridades do GGI de Primavera estão realizando aqui é um exemplo para todo Estado e deveria merecer a atenção da Associação Mato-grossense dos Municípios. Pessoalmente, pretendo encaminhar esse exemplo à direção do Tribunal de Justiça onde o desembargador Orlando Perri criou uma comissão encarregada de sistematizar estudos nessa área. Vamos incentivar que magistrados de outras comarcas desdobrem a experiencia de integração de gestão implementada com muito sucesso em Primavera para o enfrentamento de um grave problema social. Os dramas criados pelo vício das drogas precisam ser conhecidos, em suas características municipais e regionais, para que todas as autoridades que lidam com essa questão possam ter exito no seu trabalho” – disse Marcos Machado.

A assistência médica é o primeiro apoio que moradores de rua tem recebido no programa em Primavera do Leste.

A assistência médica é o primeiro apoio que moradores de rua tem recebido no programa em Primavera do Leste.

Categorias:Cidadania

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 177.65.146.3 - Responder

    a droga ameaça por todos os lados. até em primavera, que é uma cidade sossegada

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dois × quatro =