PREFEITURA SANEAMENTO

PAULO LEMOS: Analisando as duas candidaturas que estão disputando o segundo turno, estou convencido de que apenas uma delas representa um projeto verdadeiramente popular e com força suficiente para enfrentar os enormes desafios que a cidade possui.

Paulo Lemos, advogado e ouvidor geral da Defensoria Pública de Mato Grosso

Voto em Lúdio para uma Cuiabá mais feliz!
por PAULO LEMOS

Luis Inácio Lula da Silva, Presidente do Brasil entre 2003 e 2010, liderando a frente popular formada pelo Partido dos Trabalhadores (PT) e por vários outros partidos políticos, junto com parcela significativa da sociedade civil brasileira, teve a chance de ajudar o país a virar a página do atraso, da desigualdade social e da miséria, para escrever uma nova página de desenvolvimento sustentável, geração de oportunidades e distribuição de renda para todos, enfrentando o grave problema da miséria e levantando a autoestima de todo povo, que hoje tem orgulho de dizer que é brasileiro.

Apenas para se ter uma idéia da revolução silenciosa realizada por esse torneador mecânico, que foi condecorado por várias universidades estrangeiras, eu faço questão de registrar alguns dos surpreendentes resultados alcançados nesse período. Na educação, o lamentável problema do analfabetismo deixou de atingir 17 % para apenas 13 % da população, levando milhões e milhões de brasileiros a aprenderem a ler e a escrever. Também foi possível garantir que 92,2% de nossas crianças e adolescentes estivessem dentro da escola, diminuindo as chances de se envolverem com as drogas e a criminalidade. Ainda, o aludido governo elevou de 140 escolas técnicas federais construídas desde o descobrimento do Brasil, para 354, em apenas oito anos, mais do que dobrando a quantidade de vagas no ensino técnico e profissionalizante federal. Sem falar no PROUNI, que gerou mais de um milhão de bolsas universitárias, e no REUNI, que resgatou as instituições federais, abrindo as portas das universidades para um significativo número de brasileiros, principalmente para os nossos jovens, muitos deles, antes, excluídos do ensino superior.

Na área do trabalho e renda, além do progressivo e expressivo aumento do salário mínimo dos trabalhadores do país, com ganho real ano a ano, foram gerados cerca de 15 milhões de novos postos de trabalho, promovendo dignidade a muitos brasileiros
.
No entanto, não obstante a tudo isso, eu considero dois os feitos mais importantes desse período.

O primeiro deles cinge-se ao fato de que, desde o início do mandato, Lula se empenhou em erradicar a miséria e diminuir as desigualdades sociais no Brasil, em cumprimento dos objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil, previstos no artigo 3º da Carta Magna Federal, e ao mandamento-mor, cristão, do amor ao próximo, criando o Programa Bolsa Família, que hoje distribui cerca de 13 bilhões de reais para atender quase 13 milhões de famílias, antes vivendo em condições de total miserabilidade. A partir disso, os programas sociais passaram a ser tratados como políticas centrais de estado, como direitos adquiridos da cidadania, sendo muitos deles institucionalizados em lei.

E o segundo, depreende-se da mudança cultural na política do país. Pois, superando o ranço autoritarista e obscurantista oriundo dos primórdios da história nacional, sobretudo do período da ditadura militar, o governo Lula conseguiu imprimir o modelo de governança participativa, não só ouvindo a sociedade como á incorporando ao espaço estatal, através da criação de conselhos gestores de políticas públicas e de direitos, bem como da realização de conferências temáticas e deliberativas; além de ter aberto as entranhas do poder, por intermédio da criação da Comissão da Verdade, bem como da viabilização das condições políticas necessárias para se aprovar a nova Lei Geral de Acesso à Informação.

E assim como ocorreu no resto do Brasil, eu percebo que Cuiabá também quer participar desses avanços, rompendo com o continuísmo, reconstruindo sua história, resgatando suas tradições, potencializando suas vocações e se libertando daquilo que a aprisiona e a impede de prosperar.
A população cuiabana quer ser feliz!

Nessa cidade, há uma enorme vontade de se viver uma vida melhor, mais saudável, mais segura, onde haja fé e esperança por desenvolvimento social, econômico e moral. Isso, por amor à Cuiabá e às pessoas que moram e convivem aqui. Só que para esse sonho coletivo se tornar realidade, Cuiabá e seus dirigentes políticos têm que mudar: mudar de verdade!

Analisando as duas candidaturas que estão disputando o segundo turno dessas eleições, eu estou convencido de que apenas uma delas representa um projeto verdadeiramente popular e com força suficiente para enfrentar os enormes desafios que a cidade possui. Isso porque, somente uma delas se propõe a fazer isso a milhares de mãos e olhos, num governo participativo e transparente, em plena sintonia com todas as esferas de governo. Também porque só uma delas é encabeçada por um médico sanitarista da rede pública municipal, que sente as dores e conhece os anseios da população; além de que, entre outras coisas, por ser considerado por muitos o melhor vereador dos últimos oito anos da Capital, ele está preparado para governar Cuiabá, junto com todos e para todos, contudo, com opção preferencial pelos mais necessitados.

Por isso, ante o direito constitucional de livre manifestação de idéias e opinião, eu manifesto publicamente o meu voto em Lúdio para Prefeito, e em Faiad para Vice-Prefeito, no próximo dia 28 de outubro do corrente ano, sem medo de ser feliz e com a consciência tranqüila de estar fazendo o melhor pela minha cidade e pelas pessoas que moram aqui.

Paulo Lemos – advogado administrativista e eleitoralista, membro da Comissão de Direito Eleitoral da OAB/MT, atual Ouvidor-Geral da Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso e ex-Vice-Presidente Mato Grosso e Mato Grosso do Sul da União Nacional dos Estudantes.

13 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 201.49.159.68 - Responder

    Quem vota limpo, não vota em ParTido de mensaleiros.
    Fora PT.

    • - IP 177.64.237.29 - Responder

      Uai o PSB que é do MM não apoia o PT no governo federal?

  2. - IP 177.65.158.150 - Responder

    PAULO CONCORDO PLENAMENTE COM O QUE VOCE DISSE :E assim como ocorreu no resto do Brasil, eu percebo que Cuiabá também quer participar desses avanços, rompendo com o continuísmo, reconstruindo sua história, resgatando suas tradições, potencializando suas vocações e se libertando daquilo que a aprisiona e a impede de prosperar.
    A população cuiabana quer ser feliz!: POR ESTE MOTIVO EU TAMBEM VOTO NO LUDIO.EU SOU BONITA E VOTO NO LUDIO,VOTO LIMPO,VOTO 13.

  3. - IP 201.2.22.23 - Responder

    cria vergonha enock, acho que o Riva – o mais processado tem razão, vc coloca o seu blog em nome do PT dos mensaleiro, e seu lider Lula, para bater no Mauro Mendes, que é o melhor para Cuiabá. troca o disco.

  4. - IP 200.172.47.92 - Responder

    O povo cuiabano sabe disso, que MM é fantoche de um grupo, pois ele é milionário, e os outros que tem grana se junto em torno dele…o importante que Lúdio tem um projeto de governo e o PT não abre mão disso independente de quem apoia a candidatura petista…
    As acusações que esses site e comentaristas mal informado fazem, é uma prova de que só assistem globo, leiam a veja, e provavelmente não aprenderam muita coisa quando iam para a escola…ou eram de escola particular, e só aprenderam o que a burguesia quer…
    Aprender na periferia é ter liberdade de pensamento….mas é também o direito de participar da construção de uma vida melhor….

  5. - IP 187.7.215.75 - Responder

    Nesta eleição há duas candidaturas postas, uma do PT e outra do PSB, Lúdio e Mauro, ambos teoricamente de esquerda. Estive no debate promovido pelo Sintep Subsede de Cuiabá no dia 18/10 no anfiteatro do Liceu Cuiabano, e percebi que o candidato socialista não conhece nada da máquina pública, até porque nunca exerceu um cargo eletivo público, enquanto que o candidato petista, até pelo fato de ser vereador conhece toda as suas nuances. Acredito que neste momento, o candidato que oferece a melhor propositura para uma cidade tão carente quanto a nossa querida Cuiabá, chama-se Lúdio Cabral!

  6. - IP 177.17.201.92 - Responder

    Paulo, sua análise é perfeita. Há dois projetos para Cuiabá e o do Lúdio representa mudança verdadeira, e com participação popular. Desse modo você mostra que se faz campanha é com argumentos e dados. Quem quiser te criticar tem de ser mais consistente e menos panfletário.

    Como disse Lula, governar uma prefeitura é bem mais difícil que mandar em uma empresa. Na administração pública há funcionário públicos e não privados, há Ministério Público em cima, jornalistas em cima, a população cobrando.

    Lúdio conhece os anseios populares e saber criar mecanismos para organizar a força popular com o objetivo de buscar soluções coletivas. Lúdio tem histório de lutas populares e foi um vereador de oposição propositivo, sempre apresentando projetos e saídas. Oposição com responsabilidade e serenidade.

  7. - IP 177.64.237.29 - Responder

    Lúdio é o melhor para cuiabá,não tem 5 processos entre civil e penal igual o Mauro Mendes tem,como uma pessoa quer ser prefeito assim????

  8. - IP 177.17.201.47 - Responder

    Não tem como mandar os dois ir passear ou pescar e deixar o Galindo mesmo, eles chegam a ser ridículos de tão efêmeras que são as propostas, isso quando é possível identificar algo que possa se chamar de proposta.

  9. - IP 177.1.233.228 - Responder

    OBAAAAAAAAAAAAA!! Temos 50% de chances do mensalão ser criado em Cuiabá. Vamos lá pessoal! Cresce a chance também de ser aumentada o Bolsa Família, Bolsa gás, Bolsa filho, Bolsa TV, Bolsa Energia Bolsa Maternidade, Bolsa Carinhosa, bolsa… bolsa… bolsa… e tantas outras bolsas existentes no Brasil do PT!

  10. - IP 187.7.246.158 - Responder

    Perguntaram-me quem venceu o debate, respondo com sinceridade: – VENCEU O DEBATE A SOCIEDADE QUE AMANHÃ SABERÁ ESCOLHER OU NÃO AQUELE QUE FARÁ POR CUIABÁ O QUE DIZ SER JUSTO E TRAGA PROGRESSO PARA A CIDADE E SUA POPULAÇÃO. POR FALAR EM JUSTIÇA: – Que a corte máxima de nosso País faça justiça a toda à sociedade julgando todos os crimes cometidos contra o País; seja mensalão, seja sanguessuga, seja cachoeira, seja maquinário, etc. Que este julgamento sério e justo seja extensíveis a todos aqueles que se pressupõe ter cometido um ilícito. A sociedade não merece ter corruptos e corruptores a tirar o pão-de-cada-dia da boca do povo.

    • - IP 177.64.249.28 - Responder

      Ludio tá que ta com o povo, que ta com a Dilma, que ta que ta com Lula, que ta que ta com Silval. Ludio é melhor para Cuiabá.

  11. - IP 200.96.197.93 - Responder

    Não tenho duvidas que o Dr. Ludio é uma pessoa do bem. Tem todas as condições de ser um grande prefeito. Infelizmente a sonhada reforma política ainda não ocorreu. O fim das coligações seria um passo importante para se separar o joio do trigo, e evitar contrastes como o caso da coligação do Dr. Ludio. Existem muitos bons motivos para se recomendar o voto no Dr. Ludio. Concordo que o Dr. Ludio, seja o candidato mais preparado para administrar Cuiabá, contudo, atribuo isto a outros fatores, como por exemplo, sua sensibilidade política e seu conhecimento da administração publica. Não é por outro motivo que tem pessoas de boa índole como o Dr. Paulo Lemos o apoiando. Importante se registrar que o candidato Mauro Mendes possui também muitas qualidades, não havendo motivos para o considerar um candidato do “mal”. No tocante ao LULA é bom que se lembre que os méritos de termos um Brasil melhor hoje, também se devem aos bons governos do Presidente Itamar Franco e FHC. O Brasil não começou com o LULA. Se o Ludio vencer torço para que não “entregue” seu governo para alguns fanfarrões, como o Sr. Eder Moraes. Que o povo decida. Se optar pelo Dr. Ludio, que DEUS o proteja de algumas figuras que o acompanham.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

10 − cinco =