MCCE e Ong Moral repudiam, em nota, tentativa do ex-deputado Riva de “escolher” os juízes que vão julgá-lo. “(Riva) já apresentou centenas de pedidos de suspeição. Tenta impedir que magistrados como Gonçalo Antunes de Barros, Celia Vidotti, Luis Bertolucci, José Blaszak e Selma Arruda julguem processos contra ele. Durante uns 20 anos, quando comandava a Assembleia, Riva fez “tabelinha” com magistrados da cúpula do Tribunal de Justiça, tipo “Romário e Bebeto” nos bons tempos da seleção brasileira, e assim nunca foi alcançado pela Justiça”, diz a nota.

O ex-deputado Riva, algemado, aguarda por audiência, vara presidida pela juíza Selma Arruda,  no Fórum de Cuiabá. Imagem da TV Centro América

O ex-deputado José Geraldo Riva (PSD), aguarda pela realização de audiência em que seria ouvido, como réu, na chamada Opeação Imperador, na vara presidida pela juíza Selma Arruda, no Fórum de Cuiabá. Imagem da TV Centro América

 

O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), seção de Mato Grosso e o Movimento Organizado pela Moralidade Pública e Cidadania (Ong Moral) distribuíram, nesta quarta-feira (29), o seguinte comunicado:
NOTA DE CRÍTICA PÚBLICA

Considerando a repercussão dos processos e prisões do ex deputado estadual José Riva, e a revelação da “tática” de defesa, “escolhendo” juízes, mediante simulação de exceções de suspeição contra magistrados, os movimentos sociais abaixo discriminados vêm alertar a sociedade de grave distorção da Democracia e da livre atuação de juízes.

Desde a criação da Vara Especializada de Ação Civil Pública e Ação Popular, de competência cível, e da Vara Especializada Contra o Crime Organizado, os Crimes Contra a Ordem Tributária e Econômica e os Crimes Contra a Administração Pública em nosso Estado, que os crimes de colarinho branco começaram a sofrer punição. Não foi à toa que os deputados estaduais tentaram “melar” o trabalho dos juízes por meio da Lei Complementar nº 313 (de 16 de abril de 2008), que extinguia as citadas varas especializadas.

O réu em comento já apresentou centenas de pedidos de exceção de suspeição. Tenta impedir que magistrados como Gonçalo Antunes de Barros, Celia Vidotti, Luis Aparecido Bertolucci, José Blaszak e Selma Rosane Arruda julguem os processos contra ele.

Durante uns 20 anos, quando comandava a Assembleia Legislativa, o acusado fez “tabelinha” com magistrados da cúpula do Tribunal de Justiça, tipo “Romário e Bebeto” nos bons tempos da seleção brasileira, e assim nunca foi alcançado pela Justiça.

A Associação de Magistrados – AMAM, tão ágil para defender os seus antigos associados punidos no “escândalo da maçonaria”, se calou diante da tática do acusado José Riva, de “escolher” quais juízes “podem” processá-lo.

O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral – MCCE, e a ONG MORAL – Moralidade e Cidadania, reafirmam sua crença de que a tendência de punir corruptos da política não pode se restringir ao Judiciário de Brasília e de Curitiba. A liberdade de julgar, mediante o livre convencimento motivado, deve ser estendida aos corajosos juízes de Mato Grosso, independente do nome do réu que esteja na capa dos autos.

Cuiabá/MT, 28 de julho de 2015

MCCE MT

ONG MORAL

 

11 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 191.33.165.152 - Responder

    Falem o que falar, o combate a Corrupção não pode escolher lados, o combate e a simples crítica à corrupção tem que ser imparciais!
    Por mais que o Riva seja corrupto, os ativistas do MCCE e Ong Moral apenas terão crédito quando deixarem de defender a meia moralidade, e criticarem também os mensaleiros, petroleiros, etc…

    • - IP 189.59.69.195 - Responder

      A nossa atividade de combate à corrupção sempre foi na base da ação judicial, de assinar denúncia, de representar, de cobrar as autoridades publicamente.

      Não ficamos de conversa fiada nos butecos e nas mídias sociais.

      Quanto vieram nestes anos todos ajudar a Ong Moral a limpar o TJ, a limpar a Assembleia, a punir Riva et caterva?

      Agora o prezado Lucas que fiquemos por aí criticando todos os corruptos. Ora vá se catar!

      Os ladrões da Petrobras vem sendo punidos. Outros corruptos foram presos. Mas só os PT e seus coligados.
      O Mensalão tucano tá engavetado, os ladrões do erário de São Paulo nem foram julgados.

    • - IP 177.221.96.140 - Responder

      O Ademar estaria certo se ele criticasse também os mensaleiros do PT, mas quando ele fala dos petistas p tom é de elogio.

  2. - IP 201.49.165.1 - Responder

    O Dr. Gonçalo de Barros Neto foi o primeiro a dar uma canetada nesse sujeito.
    Mandou fazer busca e apreensão na ALMT e ainda o afastou da Primeira Secretaria
    Mas, naquela época, a liminar caiu no dia seguinte e o Dr. Gonçalo ainda foi retirado da Vara (porque não sendo titular não tinha inamovibilidade)

    • - IP 189.59.69.195 - Responder

      Isso Rui Negreiros! A retirada do Dr. Saíto daquela Vara foi após o Riva ir no TJ e chutar a porta de alguns gabinetes exigindo a mudança. Um juiz honrado não podia ficar julgando o reizinho. Mas com Dr. Bertoluci ele também levou ferro.
      Nos processos criminais a Dra. Selma está dando exemplo. Aí o Baixinho esperneia e quer tirar ela dos seus processos.
      E a AMAM o que faz? Se cala…..

  3. - IP 177.193.140.62 - Responder

    VEJAM UMA DAS PROVAS DA NOSSA DENÚNCIA QUANDO AFIRMAMOS SOBRE A “TABELINHA” DO RIVA COM A CÚPULA DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE MATO GROSSO: “Durante uns 20 anos, quando comandava a Assembleia Legislativa, JOSÉ RIVA fez “tabelinha” com magistrados da cúpula do Tribunal de Justiça, tipo “Romário e Bebeto” nos bons tempos da seleção brasileira, e assim nunca foi alcançado pela Justiça.. MESMO SABENDO QUE O MAIOR FICHA SUJA DE MATO GROSSO, JOSÉ RIVA, RESPONDIA A VÁRIOS PROCESSOS, O DESEMBARGADOR, PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE MATO GROSSO, JOSÉ FERREIRA LEITE, FAZIA ELOGIOS AO MAIS PROCESSADO POLITIQUEIRO DO ESTADO, COMPARANDO O CORRUPTO A UMA OSTRA. ASSISTAM AO VIDEO:https://www.youtube.com/watch?v=6XgnwEfE-vsNOTA DE CRÍTICA PÚBLICA

  4. - IP 179.179.95.90 - Responder

    Elogio por Elogio, eu já vi o Ceará tantas vezes elogiar os Mensaleiros que até perdi a conta.

    Na verdade, o Ceará deveria mais é elogiar e defender o Riva por ele ajudar a fortalecer o PSD que é um partido que compõe a base do governo federal.

    Além disso Riva, ainda foi aliado dos petistas em MT no governo do Silval.

    Riva e os filopetistas tem tudo a ver.

    É obvio que continuarão aliados porque é o mais coerente com a prática política de cada um deles.

    O “currimculum” políico do Riva atrai o PT, a “prática” do PT atrai o Riva.

  5. - IP 177.193.140.62 - Responder

    Esse “tal José”, tem tanta compulsão por mentir, que acredito ser ele um mentirosos compulsivo ou mitômano. Não é necessário ser nenhum especialista nessa área, para perceber que nesse “tal José”, o ato de mentir a muito deixou de ser normal. Isso já é um caso patológico. Não é um mentiroso comum, alguém que mente apenas ocasionalmente para fugir de alguma situação indesejável. Não! Este “tal José”, que diz que já viu o Ceará, “tantas vezes elogiar os Mensaleiros”, que até já perdeu as contas, é com certeza uma pessoas com algum desvio de caráter. O interessante, é que ele sempre sai em defesa do outro José, aquele que é corrupto compulsivo. Todas as vezes que se comenta algo contra o “Rei” dos Ficha-suja, o “tal José” corre em seu socorro. Entendo que tanto um quanto o outro tenham algo em comum, já pensei até mesmo que ambos fossem a mesma pessoa. Más se o “tal José” não é o outro José, quem será ele? Não sei, mas seja ele quem for, tudo indica que é alguém que necessita de acompanhamento psiquiátrico, já o outro José, o tratamento justo será alguns anos de cadeia e o ressarcimento aos cofres públicos de todo o dinheiro surrupiado de todos nós.

    • - IP 179.179.92.34 - Responder

      Ceará, só diga uma coisa para nós: você mandou seu dinheiro para contribuir com a “vaquinha” dos milionários Zé Dirceu e Zé Genoíno pagarem suas penalidades pelos crimes que eles cometeram contra o povo????

  6. - IP 189.59.58.129 - Responder

    Nunca eu tiraria um centavo para pagar despesas de alguém acusado de meter a mão no dinheiro público, nem mesmo se essa pessoa fosse um pobre, um miserável. O lugar de ladrão do dinheiro público é mesmo na cadeia.
    Como também , ao contrario de você, “José de Tal”, jamais tiraria um minuto do meu tempo em defender as pessoas que você tem defendido nesse blog.

  7. - IP 200.252.51.202 - Responder

    Ceará, o Riva é o Zé Dirceu Mato-grossense!
    Fico pasmo com comentários como o do Ademar Adams logo acima, onde tenta justificar o mensalão petista com a impunibilidade do mensalão tucano!
    Agora vamos deixar de punir todos os corruptos por que uma parcela não foi punida?
    O suposto roubo do PSDB não justifica o roubo do PT!
    Fico pasmo com o falso moralismo desses petistas!
    Ou você Ceará, você Edemar, consegue ver diferenças entre Riva e Zé Dirceu, Riva e Lula, etc?
    Volto a dizer, quem defende a moralidade, deve fazer isso de forma plena, não existe meia moralidade, porém vejo o MCCE e Moraal, com aquele pensamento de que “se está do meu lado, pode roubar, se não está comigo, ai não pode”.
    Acho que o correto seria um mundo onde ninguém roubasse, e não um mundo onde alguns podem roubar como defendem esses ongueiros.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

6 + três =