PREFEITURA SANEAMENTO

Mahon acredita que Kleber Lima está em uma posição eticamente melhor que Leandro Carvalho

Advogado e escritor Eduardo Mahon (Foto: Reprodução)

VANESSA MORENO
PÁGINA DO E

O ano de 2018 começou com mudanças no setor cultural de Mato Grosso. Após o anúncio de saída do maestro Leandro Carvalho da gestão da Secretaria de Estado de Cultura – SEC, o governador Pedro Taques convocou seu atual secretário de Comunicação para assumir a pasta no último ano deste mandato. “Acho que ele vai ter pouco tempo e um orçamento reduzido em 11 milhões para eventualmente fazer uma grande diferença”, avalia o advogado e escritor Eduardo Mahon.

Mahon ofereceu um jantar para o futuro secretário e para a comunidade cultural em sua residência após Kleber ser surpreendido com o pedido do governador para comandar a SEC.

Na ocasião, Kleber Lima prometeu abrir as portas da SEC e dialogar diretamente com os produtores culturais e artistas em geral. “Acredito que ele se colocou muito bem quando, antes mesmo, escutou um grupo ampliado de vários segmentos e no final das contas é isso que falta em qualquer governo independente de orçamento, independente de partido, é diálogo, é ter humildade para escutar e saber que não é o melhor em tudo e ter humildade de escutar os vários segmentos os quais não domina”, elogia Mahon.

Segundo o advogado, Kleber Lima está em uma posição eticamente melhor do que Leandro Carvalho pelo fato de não possuir nenhum interesse comercial na SEC. A opinião se dá pelo fato de que Leandro, como secretário, pagou um valor alto no contrato da Orquestra de Mato Grosso, na qual atua como maestro. Os dados foram divulgados no Sistema Integrado de Planejamento, Contabilidade e Finanças do Estado (Fiplan).

“Penso que nos frigir dos ovos o Kleber Lima é mais dialógico do que o secretário que sai e também não tem nenhum interesse pessoal e comercial na própria pasta, o que já o coloca numa posição eticamente melhor do que o anterior”, conclui Mahon, que é um dos advogados criminalistas mais renomados de Mato Grosso.

Ainda não há data definida para que Kleber Lima tome posse na SEC.

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dois + dezenove =