LUTA DE CLASSE – São Francisco usa Policia Militar para tentar impedir que Gilmar Brunetto, representando o Fórum Sindical, fiscalize atendimento do MT Saúde

“Só com a presença do Fórum aqui conseguimos a liberação junto a Ouvidoria de cirurgias que estavam há tempos esperando uma liberação e não estamos incitando ninguém contra os funcionários como foi dito. Mas vou registrar um Boletim de Ocorrência pela forma como fui abordado”, anunciou o sindicalista Gilmar Bruneto.

Na manhã dessa quarta-feira(22),  um membro do Fórum Sindical que representa 17 sindicatos dos servidores públicos do Estado,  o sindicalista Gilmar Bruneto foi impedido de registrar as reclamações e o atendimento moroso pelo qual os servidores do Estado passam todos os dias para conseguir autorização de consultas, exames e cirurgias na sede do MT Saúde.

Funcionários chamaram a Polícia Militar que adentrou o prédio sob a denuncia que o representante do Fórum estaria ‘incitando’ os servidores públicos que estavam nas filas há horas aguardando atendimento e que estaria ofendendo os atendentes da empresa São Francisco, responsável pelo plano MT Saúde.

“Os servidores já estão alterados por terem que ficar horas na fila aguardando o atendimento. Tem pessoas que estão esperando até 15 dias para conseguir uma autorização para fazer o tratamento de quimioterapia”, afirmou Veneranda Acosta, presidente do Sindicato dos Servidores do Detran de MT que faz parte do Fórum Sindical.

Gilmar que é do Sindicato dos Trabalhadores de Assistência Técnica  e Extensão Rural -Sinterp-MT, estava na sede do MT Saúde apenas fiscalizando o atendimento, procedimento que foi decidido no Fórum para pressionar a liberação de guias para os servidores que estão tendo o plano descontado dos salários, porém tendo dificuldades em conseguir os atendimentos.

“Só com a presença do Fórum aqui, conseguimos a liberação junto a Ouvidoria de cirurgias que estavam há tempos esperando uma liberação e não estamos incitando ninguém contra os funcionários como foi dito. Mas vou registrar um Boletim de Ocorrência pela forma como fui abordado”, afirmou Bruneto.

A idéia da presença do Fórum é pressionar para que a São Francisco agilize o atendimento aos servidores públicos. A São Francisco deve se reunir com o Fórum Sindical na próxima segunda-feira (27), para discutir o assunto.

Categorias:Cidadania

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

quinze − um =