José Geraldo Riva, algemado e sob escolta polícial, esteve no Fórum de Cuiabá, na segunda-feira. Ele fugiu das perguntas dos jornalistas. “Podem fotografar à vontade, mas não vou dar nenhuma declaração”, disse Riva.

Riva, algemado, chega para participar de audiência da 4º Vara da Família, no Fórum de Cuiabá

Riva, algemado, chega para participar de audiência da 4º Vara da Família, no Fórum de Cuiabá

Riva comparece ao Fórum algemado e sob escolta de policiais

 

Uma cena forte e inimaginável até pouco tempo atrás. O ex-presidente da Assembléia Legislativa, José Riva (PSD), recordistas de votos para deputado estadual nas eleições de 1998, 2002, 2006 e 2010, foi visto publicamente pela primeira vez desde 21 de fevereiro, quando foi preso e levado ao presídio do Carumbé, acusado de chefiar esquema criminoso que teria desviado mais de R$ 60 milhões do parlamento mato-grossense.

Riva deixou o cárcere para participar de audiência na 4ª Vara da Família e Sucessões, no Fórum, presidida pelo juiz Gilperes Fernandes da Silva. O advogado Sérgio Paiva, que representa a mãe da filha de Riva, fruto de uma caso extra-conjugal, informou que o parlamentar depositava a pensão todo mês.

Porém, o benefício não tinha valor estabelecido, o que forçou a mãe da criança ingressar na Justiça. Ela reivindica que seja descontado 30% da aposentadoria do ex-deputado para a criança. Riva recebe R$ 25,3 mil pelo período em que atuou como parlamentar

O ex-deputado chegou no local da audiência algemado e escoltado por agentes do próprio Poder Judiciário. Ele não aceitou falar com jornalistas que o abordaram na chegada do Fórum Cívil de Cuiabá. “Podem fotografar à vontade, mas não vou dar nenhuma declaração”, resumiu.

 

Fonte O DOCUMENTO

Foto de Jacques Gosch/RD News

10 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - Responder

    Esses homens pensam que tem poder; mas esquecem que são transitórios , efêmeros , pois , vitimas de seu próprio ego e complexo de César , acham que seu poder nunca acabará.
    Ao caminhar das coisas esse homem será o nosso Hildebrando Paschoal.

  2. - Responder

    Absurdo. Algemaram o Riva, como se ele fosse um petista.

    • - Responder

      Como se o Riva fosse um petista!! Essa é boa!! é o máximo da fina ironia.

  3. - Responder

    Um momento esperado em minha vida…. nunca esperava que esse dia ia chegar desse jeito, tao cedo e ….. um sonho realizado… Valeu Marquesues leite…. digo justiça kkkk

  4. - Responder

    Grande novidade: já vimos o vaccari, zé dirceu e renato duque nesta pose!

    • - Responder

      Está vendo o absurdo da situção, Sr. Artur, o Riva está sendo tratado como se ele fosse um petista como esses que você citou.

      Uma pessoa como o Riva não pode ser tratado como um petista. ele precisa cuidar melhor da sua imagem.

  5. - Responder

    Felicidade pra mim seria ver o lula nessa situação e seus companheiros bandidos. Por mim Riva podia estar soltinho. Aliás, se o outro tá solto nem sei porque ele está preso, não é pra ter tratamento isonômico ?

  6. - Responder

    Creio que humilhar Riva não resolve a questão, a não ser para seus inimigos que querem apenas vingança. A incidência da ordem jurídica, em especial do sistema normativo penal-punitivo, com todos os seus princípios, é garantia de respeito à integridade do preso que, aliás, não foi sequer condenado, que permanece na condição de acusado e indiciado. A falta de Civilização em relação a Riva é algo que pesa contra todos nós, na medida em que paira sobre todos nós a ameaça de sermos tratados do mesmo modo, embora cidadãos da República. Queremos uma socidade fundada em Princípios e Direitos ou um aglomerado de gente sem ordem jurídicar e interessado apenas na vingança? Se optarmos pela segunda possibilidade, devemos soltar Arcanjo imediatamente, não por questão de Justiça, mas de coerência com os desvalores eleitos por parte importante da sociedade. Para finalizar uma pergunta para reflexão: Qual a diferença de Arcanjo e os milhares de produtores rurais que despejam anualmente, em média, no solo mato-grossense, 7 litros de venenos por habitante? Creio que essa conversa sobre Civilização não faz o menor sentido… um bom domingo… temos futebol na televisão… depois Faustão… e depois é segunda-feira…

  7. - Responder

    O Riva merece respeito: uma cela com Pedro Henry e o comendador Arcanjo.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

12 − oito =