JOHNNY MARCUS: A conquista da prefeitura de Cuiabá é ponto capital para as pretensões do candidato Mauro Mendes. Em caso de derrota, praticamente sepulta seu projeto maior, que é o de tornar-se governador em 2014.

Johnny Marcus é jornalista em Cuiabá

DEJA VU ELEITORAL
Por Johnny Marcus

Faltam apenas dois para que a população cuiabana escolha seu novo prefeito. Lúdio Cabral e Mauro Mendes chegam ao final do segundo turno tecnicamente empatados, se fizermos uma média das pesquisas divulgadas. A conquista da prefeitura de Cuiabá é ponto capital para as pretensões do candidato socialista. Em caso de derrota, praticamente sepulta seu projeto maior, que é o de tornar-se governador em 2014.

Embora negue sempre que questionado que vai abandonar o mandato de prefeito pela metade, Mauro Mendes sabe que o Palácio Alencastro será a sua grande vitrine para as próximas eleições gerais, já que em tese, teria de enfrentar seu atual aliado, senador Pedro Taques, ou até mesmo seu padrinho político, o senador Blairo Maggi.

Talvez por esse cenário, nada animador, Mendes tenha partido para o tudo ou nada na reta final da campanha, a ponto de contratar seu algoz em 2008, o marqueteiro político Antero Paes de Barros. Coincidência ou não, evidências de ações do “Comitê da Maldade” já puderam ser notadas depois da chegada do ex-senador pelo PSDB na equipe de Mauro. Tentativa de taxar como compra de voto os cheques dados a duas contratadas como fiscais pelo PT no dia das eleições; apreensão de material impresso difamatório em uma gráfica da cidade; o suposto calote do IPTU e até mesmo um caso extra-conjugal viraram notícia, principalmente na blogosfera. Isso sem falar no mantra do mensalão – “maior escândalo de corrupção da história”. Até Pedro Taques engrossou esse coro e estranhamente esqueceu-se de suas críticas e só lembrando nesta última semana de campanha ao “100% Equipado, 20% Roubado”. Como mostra o resultado das eleições em nível nacional, a bala de prata do mensalão foi um tiro que saiu pela culatra.

Mauro também tenta anular o “alinhamento político” – um dos pilares da campanha petista. Mas enquanto critica, coloca Blairo e Taques na TV para dizerem que seus partidos, PR e PDT, estão alinhados, ou melhor, em sintonia com o governo da presidenta Dilma.

Em 2008 participei como convidado de um programa de debates da TV Cultura local, ancorado pelo jornalista João Negrão. Durante a campanha eleitoral, entrevistamos todos os candidatos a prefeito e também seus vices. Quando chegou a vez do vice Chico Galindo, que estava na metade de seu mandato como deputado estadual, a pergunta que não se calava era se o cabeça de chapa, Wilson Santos, deixaria ou não o mandato de prefeito pela metade para concorrer ao governo do Estado. Galindo negou peremptoriamente. Como eu que tinha feito a pergunta, assim que acabou a entrevista, tomado de súbita sinceridade, Chico Galindo cochichou no meu ouvido: “O acordo é esse mesmo, Johnny”. A eleição acabou indo para o segundo turno com Wilson Santos e Mauro Mendes. O “Comitê da Maldade”, sabe-se lá como, encontrou um senhor que tinha sido atropelado por Mendes, explorou até onde pôde o caso na propaganda política e dois anos depois Chico Galindo ganhava de presente a Prefeitura de Cuiabá. Presente que acabou revelando-se de grego mais tarde, mas isso já é outra história.

Uma situação muito parecida se apresenta agora em 2012. João Malheiros, também está na metade do mandato de deputado estadual e abre mão da tranquila vida na Assembleia Legislativa para ser vice de Mauro Mendes. A história vai se repetir?

JOHNNY MARCUS é jornalista, radialista e professor

5 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 177.132.241.248 - Responder

    Interessante sua prosa, Johnny. Beijão.

  2. - IP 187.58.29.209 - Responder

    Ridícula sua prosa, Johnny. Não acredito que é encomenda porque vc não é ninguém na ordem do dia. Beijos

  3. - IP 200.172.47.92 - Responder

    Mas, então o cabra tá afim de disputar o governo do estado mesmo em 2014?? Nossa, mas todos da sua chapa juram de pé junto que não tem nada a ver….estranho…muito estranho…
    Mas, ele nunca apresentou projeto, pois ele mesmo não tem, os outros que o indicaram para candidato, que tem uns projetinhos debaixo do braço, mas MM nem perfil de candidato tem, ele é o candidatos Taques, Maggi, Emanuel Pinheiro, do Galindo, do WS, do APB….nem é o candidato da população…ele me parece o “Cerra” do MT…kkkkk
    Podem cancelar ele…deletam, vai que seja um vírus…prejudicará todo município…e aí…vamos evitar..

  4. - IP 177.64.242.234 - Responder

    MAIS UMA VEZ MAURO MENDES MOSTROU QUE NAO RESPEITA AS MULHERES MESMO.E QUE ESSA CONVERSA DE QUE AMA A MULHER DELE É PURA BALELA.ME SENTI MUITO ENVERGONHADA COM O PROGRAMA DE MM HOJE,ELE IR NUM HOSPITAL PRA COLOCAR A ESPOSA ACAMADA PRA CHORAR E PEDIR VOTOS PRA ELE É DE MAIS BAIXO NIVEL.E SE ELA ESTVESSE NUM CAIXAO ELE IRIA COLOCAR O VELORIO DELA.ISSO MOSTRA A FALTA DE CARATER DESSA TURMA DO MAL QUE USA A VIRGINIA COMO UMA MARIONTE.EU FIQUEI COM MUITA PENA DELA,SENDO USADA DESSA MANEIRA TORPE.MAURO MENDES ISSO NAO SE FAZ COM NENHUMA MULHER ,MUITO MENOS COM A QUE DIZEMOS AMAR.EU COM TUDO QUE ACONTECEU HOJE TENHO MAIS CERTEZA DE MEU VOTO É NO MAIS PREPARADO ,VOTO LUDIO,VOTO 13

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

10 + seis =