PREFEITURA SANEAMENTO

Janaina Riva, tão atacada pelos machistas, também derrapa no preconceito e xinga Zé Pedro Taques de veado

Janaina, que xingou Zé Pedro

Janaína quebra decoro ao chamar governador de ‘veado’

TARLEY CARVALHO TARLEY CARVALHOJornalista, editor do Blog Isso É Notícia

A deputada estadual Janaína Riva (PMDB) perdeu a linha e acabou partindo para o ataque pessoal contra o governador Pedro Taques (PSDB). Em áudio que está circulando no WhatsApp, a deputada chama o chefe do Executivo de “veado”.

Em um discurso acalorado, a deputada argumenta que os problemas do Estado estão sendo resolvidos pelos deputados e que, uma vez que a oposição não é a maioria na Assembleia, nada será resolvido.

“Mas agora assim, tem que ter paciência porque quem mandou eleger esse veado pra governador? Tá aí agora o resultado”, alfinetou a deputada.

A quebra de decoro da parlamentar, se comprovada, pode acarretar em cassação do mandato. Janaína agora precisará contar com o apoio de seus pares, os mesmo que ela critica por não fazerem oposição a Taques, para que o caso não seja levado adiante.

LGBT

Em tempos como este, onde crimes motivados por homofobia tem ceifado a vida de tantas pessoas do público LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), tal fala ganha peso.

Janaína Riva já foi rainha da Parada da Diversidade, em 2012, e ainda é vista por muitos como uma combatente pelas causas LGBT.

O caso não retrata a opinião de uma pessoa da sociedade civil com senso comum, mas de uma deputada estadual, líder da oposição e deu partido na Assembleia Legislativa. Janaína Riva é uma das vozes mais potentes da Casa, talvez, até mesmo, a que mais ecoa entre todos os 24 parlamentares.

Dois pesos, duas medidas

O ataque à vida pessoal do governador por parte da deputada é ainda mais contraditório quando a própria parlamentar enfrenta o machismo diariamente, sendo a única mulher na Assembleia Legislativa.

Recentemente, Janaína teve sua vida exposta pelo secretário de Comunicação do Estado Kleber Lima, que compartilhou por meio do WhatsApp foto da deputada com trajes íntimos questionando sobre invasão de privacidade da parlamentar.

O ataque de Lima à deputada se deu por conta dos grampos telefônicos ilegais, cuja deputada foi vítima. Kleber acabou se desculpando

Desculpas

Em vídeo, Janaína pediu desculpas ao governador e à comunidade LGBT pela palavra utilizada e explicou que não teve a intenção de ofender a comunidade LGBT ou o governador do Estado.

Janaína também pediu aos sites de notícia que não compartilhem o áudio e pontuou que Mato Grosso tem assuntos mais importantes a serem tratados, como a saúde e as estradas.

Categorias:Cidadania Destaque

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

19 + um =