Hoje é dia de debate entre Moreno e Aude, na Assembléia Legislativa. Calma, Elias Vanin. Lastimável esse ataque ao jornalista Humberto Frederico, assessor da chapa de Maurício Aude, que é uma pessoa cordata.

O jornalista Humberto Frederico e, no destaque, o advogado Elias Vanin

Está chegando o dia da eleição, na OAB, e a tensão é crescente. Só assim posso entender o fato do advogado Elias Vanin ter avançado para cima do jornalista Humbert Frederico e tomado seu telefone celular. Imagino que existam poucos jornalistas, em Cuiabá, que sejam tão afáveis, tão gente boa quanto o Humberto Frederico. A gente tem que desarmar os espíritos para que o clima não fique mais irrespirável do que já está, nesta cidade tão calorenta, tão esfumaçada, tão conflitada. E as provocações fazem parte da contenda. (Não sei dos antecedentes e desdobramentos do fato, preciso de mais detalhes.)

É importante disputar com elegância. Encarar denúncias e acusações com a maior civilidade possível, o que sempre se espera de advogados cuja responsabilidade é sempre gerenciar crises pessoais, empresariais, institutucionais.

Acho que neste momento a categoria dos advogados em Cuiabá está toda antenada justamente para ver quem vai sair desta batalha com maior saldo de tranquilidade.

Acredito que um bom exemplo de postura e civilidade vem sendo dado pela advogada Luciana Serafim que, mais do que ninguém, apesar de tão provocada, soube dar a volta por cima e tem se conduzido com muita serenidade diante dos desafios que esta disputa tem colocado diante dela.

Endurecer sem perder a ternura. A lição do médico Ernesto Che Guevera continua se impondo como a melhor tática para qualquer batalha em uma sociedade em que o objetivo constante deve ser o aperfeiçoamento de nosso processo democrático.

8 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.59.36.54 - Responder

    Até para criticar os aliados você é tendencioso Enock. Esse cidadão é conselheiro estadual na chapa do Moreno e estava bebendo, xingando e chegou ao cúmulo de quase agredir o jornalista, o que é uma vergonha, pois, demonstra o seu despreparo. Quanto à Luciana, estava presente e vi seus “gritinhos” insultando a chapa 01 no final do debate, portanto, não tente colocá-la como uma santa, pois não é.

  2. - IP 186.213.228.134 - Responder

    Calma, gente. Muita calma nesta hora. Advogados tem mesmo que dar exemplo de paz.

  3. - IP 177.64.237.184 - Responder

    Ninguém tem o direito de sair registrando a imagem de terceiro sem que haja anuência da parte.

    • - IP 189.59.69.195 - Responder

      Se estiver em vento público, o profissional jornalista pode registrar imagem até do Papa. O despreparo do advogado em questão para o exercício da democracia deve ser repudiado por todos os cidadãos. Já imaginaram se uma pessoa despreparada destas tiver poder? Tirá-lo da Chapa, é o mínimo que se deve fazer para não macular todo o grupo.

  4. - IP 177.132.247.241 - Responder

    Uma pena que Moreno tenha consigo uma Luciana, um Felipe e um Cabrito.
    Tirando isso, a candidatura iria ser boa. Resta agora a derrota.

  5. - IP 189.59.69.195 - Responder

    “evento público”, leia-se.

  6. - IP 177.198.160.21 - Responder

    concordo com o adams, manter o advogado na chapa é avalizar o despreparo. independente de chapa o advogado deve primar pela urbanidade e respeito, sobretudo à imprensa que é uma aliada dá classe. fora Elias imediatamente.

  7. - IP 177.64.233.209 - Responder

    A atitude do advogado não justifica, entretanto, o jornalista nao estava identificado como tal, tampouco no momento disse que seria jornalista e estaria cobrindo o evento, já que estava com boton do candidato mauricio aude, e se passava por mais um cabo eleitoral da chapa 01.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dois + 11 =