GRANDE, COMO ERA GRANDE! O Brasil perde seu maior humorista de todos os tempos’, diz Ary Toledo sobre Chico Anysio

O humorista Chico Anysio morreu nesta sexta-feira, 23 de março, aos 80 anos. Mas seus personagens e o legado de seu humor vão permanecer. É o que dizem colegas

Ary Toledo
“Eu fico muito consternado, muito triste. Ele era meu amigo, parceiro de música. O Brasil perde o maior humorista de todos os tempos. É quase impossível que apareça um outro humorista nesse nível, nesse quilate. Ela deixa um legado muito difícil de ser igualado no humor brasileiro. Ele só não é o maior humorista do mundo porque nasceu no Brasil. Se nascesse nos Estados Unidos, certamente seria. O que eu posso dizer neste momento é que são profundas a minha tristeza e a minha saudade. Vamos desejar que ele esteja em um bom lugar. Ele estava sofrendo muito nos últimos dias. Eu cheguei a visitá-lo antes de ele voltar o hospital em dezembro. Tinha a impressão de que ele estava se recuperando bem, mas, agora com essa notícia, a gente chega à conclusão de que a vida nessa terra é uma passagem e cada um carrega seu fardo até o final. Ele carregou o dele muito bem.”

Lúcio Mauro Filho, comediante da série A Grande Família, da Globo
“Era triste ver ele lutando pela vida, sem poder oferecer o que de melhor tinha para o mundo e para a vida, que era a sua graça, o seu humor. Quando o (comediante) Rogério Cardoso foi embora, eu fiquei revoltado porque foi de repente e eu não tive tempo de me despedir. A comédia brasileira perde só o seu maior gênio.”

José Lavigne, diretor de Casseta & Planeta, Os Trapalhões e TV Pirata
“Eu cresci assistindo o Chico na TV e foi por isso que eu decidi trabalhar com humor. Eu acho ele um gênio e não há ninguém que possa substituí-lo. O humor dele está ligado à felicidade de uma geração inteira. Acho que o Brasil vai ficar um país mais chato e careta sem o Chico Anysio.”

Diogo Portugal, humorista
“É uma grande perda. Eu tenho 43 anos e fui muito influenciado por ele. Eram os programas que eu mais assistia, desde o Chico City. Ele sempre soube diversificar bem cada personagem. O grande talento dele, além de ter uma genialidade nos roteiros, era conseguir diferenciar um personagem do outro, eu gravei o quadro dos vampiros no Zorra Total com Chico Anysio. Foi uma experiência curta. Eu já era amigos dos filhos dele. Tive a oportunidade de conversar com ele nos bastidores e foi muito bacana. Ele gostava muito de falar sobre futebol e do humor em geral.”

Paulo Silvino, humorista
“Infelizmente, perdemos o maior ator comediante do mundo, de todas as eras. Não existe alguém que tenha feito no humor o que o Chico Anysio fez. Ele era completo.”

Categorias:Cidadania

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 177.41.95.153 - Responder

    Chico Anisyo eu não perdia um programa da escolinha do professor Raimundo.Muita saudade e alegria. MUDANDO DE ASSUNTO, PARABÉNS ENOCK PELO NOVO VISUAL MODERNO DO SEU SITE.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

seis + 3 =