TCE - OUTUBRO

GRANDE, COMO ERA GRANDE: Jornalismo e blogosfera brasileira perdem o talento de Paulo Nogueira

Morreu, na noite de ontem, aos 61 anos, o jornalista Paulo Nogueira, editor do Diário do Centro do Mundo e um dos mais brilhantes jornalistas de sua geração; antes do DCM, Paulo editou Exame, na Abril, e todas as revistas da Editora Globo; com sua partida precoce, o Brasil perde um grande combatente pela democracia, em um dos mais momentos mais duros de sua história

247 – O jornalista Paulo Nogueira, criador e editor do Diário do Centro do Mundo, partiu precocemente na noite de ontem, aos 61 anos. Paulo morreu em casa, ao lado de familiares e amigos, depois de lutar durante vários meses contra um câncer. Sua partida é uma grande perda para o jornalismo brasileiro, num dos momentos mais delicados da história nacional. Ao lado do irmão Francisco “Kiko” Nogueira, e de outros talentos, como Joaquim de Carvalho e Pedro Zambarda, Paulo fez do DCM uma das principais trincheiras democráticas do Brasil.

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

3 + quinze =