GELÉIA GERAL: Aproximação entre PSD e PSB e entre Riva e Valtenir pode tirar Luciane Bezerra do PSB. Partido comandado por Valtenir está caindo no colo do maior ficha suja do Brasil, para espanto da deputada

Valtenir Pereira age como se a aproximação do PSB do PSD fosse um acontecimento rotineiro da política. Acontece que a negociação nacional compromete Valtenir e os socialistas, subordinando-os, em nosso Estado, ao maior ficha suja do Brasil

Luciane Bezerra estuda deixar o PSB

Uma possível união entre PSB e PSD já está gerando mal-estar na AL. A deputada Luciane Bezerra (PSB) declarou que vai deixar o partido caso a aliança se concretize

Opositora declarada de José Riva, Luciane Bezerra não vê possibilidade de continuar no partido

PRISCILLA VILELA
DO DIÁRIO DE CUIABÁ

A deputada estadual Luciane Bezerra (PSB) projeta colocar o palanque eleitoral estadual das eleições de 2014 acima do nacional, em detrimento de uma visada aliança entre a sigla socialista ao Partido Social Democrata (PSD) de José Riva, em Mato Grosso. Ela adianta que continua a estudar uma possível saída da agremiação, mas afirma que todo o processo será feito de forma a evitar constrangimentos.

Crítica constante das ações governistas estaduais e de algumas atuações dos sociais-democratas, principalmente do presidente da Assembleia Legislativa, a parlamentar desconsidera estar em um lado oposto da disputa eleitoral do senador Pedro Taques (PDT), apontado como pretenso candidato ao governo do Estado na sucessão de Silval Barbosa (PMDB).

“Sobre um possível alinhamento do PSB e PSD, avalio, sim, minha saída do partido, mas sem constrangimentos tanto para mim quanto para o PSB. Tenho que pensar que eu não posso sobrepor a eleição presidencial sobre a estadual, porque quero pedir votos para Pedro Taques ao governo”, ponderou.

Anteriormente, Luciane Bezerra já havia declarado que cogita migrar do PSB, assim que foi sinalizada a aproximação em Mato Grosso entre as legendas. Contudo, a socialista nega que a deliberação tenha algum entrelaço com a sua reprovação em estar ao mesmo lado de Riva. “Não é em relação ao Riva, mas referente ao PSD, em o partido estar ao lado de outro no palanque”, explica.

No final de semana a deputada se juntou a uma comitiva de parlamentares que visitaram o governo de Pernambuco junto a agremiados do PSD, entre eles José Riva. O objetivo da visita era conhecer melhor a gestão do governador Eduardo Campos (PSB), cogitado para concorrer à Presidência em concorrência com a atual presidente Dilma Rousseff (PT).

Luciane admite que questionou o chefe do Executivo pernambucano sobre a composição para a disputa ao pleito e ele confirmou que a expectativa em torno de uma confirmação é grande. Em Mato Grosso, o interlocutor da ação é o deputado federal Valtenir Pereira (PSB), conforme creditado pelo próprio Riva, que elegeu ainda o congressista como um grande aliado.

Aliança – – PSD e PSB se aproximam já visando ao próximo pleito, mas internamente a sigla socialista tem passado por turbulências. O presidente regional da legenda, Valtenir Pereira, entrou em entraves com o prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, e terminou por se aproximar mais de um ‘inimigo’ do chefe do Executivo municipal, José Riva. Por esse ato, acabou sendo criticado até pelo senador Pedro Taques (PDT), pertencente ao arco de aliança do PSB.

“Não é entendimento político entre PSB e PSD. O PSB tem sido um grande parceiro em algumas conquistas do PSD, especialmente o deputado Valtenir. Foi assim na Câmara quando foi parceiro em não perseguir os vereadores que apoiaram o João Emanuel. Também nos apoiou na AMM e garantiu a eleição do Chiquinho do Posto”, enfatizou Riva.

1 Comentário

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 177.145.43.1 - Responder

    Essa aproximação do Valtenir com o Riva é o fim da picada para esse moço do PSB. Logo agora, quando Riva está sendo definitivamente cercado pelo emaranhado de processos contra ele, acusado de corrupção, o deputado federal resolve se aliar ao Baixinho. É bem verdade que o Valtenir jamais horou seus eleitores que pediam um posicionamento dele, um discurso na Câmara Federal sobre a corrupção na Assembleia de MT e ele se calava. Sou amigo do Valtenir, mas politica e ideologicamente estamos ficando a anos luz um do outro.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

1 × 5 =