Em entrevista à TV Justiça, juiz José Arimatéia diz que problema da corrupção não será resolvido apenas com leis. “A corrupção está arraigada na história da evolução humana”, avalia Arimatéia. Segundo o diretor da Associação dos Magistrados Brasileiros, é preciso educar as crianças para não punir os adultos. Veja o vídeo.



Magistrado de MT é entrevistado do Brasil Justiça

O juiz da 20ª Vara Cível de Cuiabá, José Arimatéa Neves da Costa, que também é diretor-adjunto da Secretaria de Defesa de Direitos e Prerrogativas da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), concedeu entrevista para o programa Brasil Justiça para falar, entre outros assuntos, sobre o Poder Judiciário e a realidade no combate à corrupção. A entrevista, que foi ao ar na sexta-feira (31 de maio), será reapresentada nesta qaurta-feira (06 de junho), às 7 horas, na TV Justiça.

Conforme o magistrado, o Judiciário tem atuado fortemente no combate a corrupção em diversas frentes, tanto na esfera cível, quanto na criminal para atender a demanda de processos de improbidade administrativa, corrupção ou desvio de conduta.

“O próprio Conselho Nacional de Justiça tem estabelecido metas de julgamento desses processos, exigindo celeridade de todos os tribunais do Brasil para julgamentos rápidos de processos que envolvam improbidade administrativa ou desvio de conduta e é nessa linha que estamos trabalhando”, ressaltou o magistrado.

Para ele, apenas o rigor da lei não vai resolver o problema da corrupção no Brasil. É preciso começar pela base, ou seja, pelos investimentos em educação. “Como diria Rui Barbosa: é preciso educar as crianças para não punir os adultos. O poder público precisa introduzir nas escolas disciplinas que tragam noções de ética, mostrando o que é certo e o que é errado na conduta de cada cidadão”.

O magistrado destacou ainda que o problema da corrupção não será resolvido apenas com leis ou com a publicação de um ou dois atos, mas sim com uma mudança de comportamento, já que a corrupção está arraigada na história da evolução humana.

O Brasil Justiça é um programa da AMB, que tem a proposta de debater os principais temas de interesse da Magistratura e discutir o futuro do Judiciário. O programa é veiculado na TV Justiça e no site da AMB, onde é possível assistir por meio de linques a todos os programas veiculados.

2 Comentários

Assinar feed dos Comentários

  1. - IP 189.72.142.153 - Responder

    FILOSOFIA NO ENSINO BÁSICO JÁ!!!

  2. - IP 201.88.96.44 - Responder

    Me parece que o problema está justamente em muitos dirigentes do judiciário que se corrompe ou sabe lá oque acontece; talves se únem com o legislativo, no qual deveriam ser independentes. A justiça deveria ser praticada todos os dias pelo judiciário, mas deixa a nós população muito a desejar. O POVO TA ENCHERGANDO ESSAS MAZELAS. O CNJ DEVERIA ESTAR MAIS PRESENTE. Esse é o verdadeiro problema.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

dois + seis =