PREFEITURA SANEAMENTO

Defensoria Pública de MT quer proibir deputado homofóbico Victório Galli (PSC) de emitir opiniões preconceituosas contra comunidade LGBT. Leia ação


A Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso, através do defensor William Felipe Camargo Zuqueti, entrou com uma ação de civil pública por dano moral coletivo contra o deputado federal Victório Galli. A ação pede uma indenização no valor de R$ 500 mil devido ao parlamentar ter feitos diversas declarações contra a comunidade de Lésbicas Gays Bissexuais e Transexuais (LGBT).
A ação ainda impede que o deputado evangélico continue divulgando sua opinião sobre gays.

A Defensoria pede que o montante seja revertido para o Fundo de Deseja dos Direitos Coletivos.

Defensoria Pública de MT tenta impedir deputado Victório Galli de emitir opiniões homofábicas by Enock Cavalcanti on Scribd

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

quatro × um =