Rui tem candidatura impugnada; Galvan continua no páreo

O pedido de impugnação foi feito pelo Sindicato Rural de Cuiabá, através do advogado Armando Cândia Biancardini, e acatado pela comissão eleitoral, formada pelos presidentes dos Sindicatos Rurais de Rondonópolis, Paranatinga e Terra Nova do Norte. A impugnação, além de balear a candidatura situacionista de Rui Prado, representa um reforço para Antônio Galvan que iniciou campanha justamente apontando a traição de Prado aos compromissos assumidos com seus companheiros do sindicalismo rural

FAMATO: candidatura de Rui Prado é impugnada

 

Rui Prado, atual presidente da Famato teve sua candidatura a presidente daquela entidade impugnada hoje, pela Comissão Eleitoral interna, que disciplina a eleição da nova diretoria e do Conselho Deliberativo marcada para 14 de maio.

Rui é candidato a presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e tenta o terceiro mandato consecutivo, contrariando o estatuto da entidade, que permite apenas a reeleição.

Rui está no segundo mandato. O primeiro começou com o deputado federal Homero Pereira (PSD), do qual ele era vice-presidente. Homero renunciou ao cargo para se dedicar às atividade parlamentares, Rui o sucedeu e foi eleito ao segundo mandato.

Cabe recurso da decisão da Comissão Eleitoral. Se a candidatura não for viabilizada a chapa poderá substituir o candidato a presidente, sem prejuízo dos demais nomes em sua composição.

Rui disputa a presidência com o produtor rural e sindicalista em Sinop, Antônio Galvan.

 

FONTE MT AQUI

Categorias:Jogo do Poder

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

8 − 5 =