Audiência sobre modalidade terá confronto na Assembléia, nesta sexta. De um lado Riva, puxando o VLT. De outro, Aldo Locatelli mostrando que governo desperdiça tempo e dinheiro, adiando implantação do BRT

O governo de Mato Grosso, que já avançara com todas as providências para implantar o BRT em Cuiabá, não pode jogar todo este processo na lata do lixo, num desperdício de tempo e dinheiro. Essa a tese que o empresário Aldo Locatelli e outras lideranças de Cuiabá estarão defendendo durante audiência pública sobre mobilidade urbana que acontece nesta sexta-feira, a partir das 14 horas, no plenário da Assembléia Legislativa. A reunião está sendo puxada pelo deputado Geraldo Riva, o parlamentar mais processado de Mato Grosso por improbidade administrativa, para funcionar como mais um reforço ideológico no esforço que Riva comanda, nos bastidores da administração pública de nosso Estado para alterar o que a própria Assembléia Legislativa já definiu, através da lei sancionada pelo governador Silval Barbosa e que prevê que o modal a ser adotado em Cuiabá é o BRT.

Mais informações a qualquer momento

Categorias:Jogo do Poder

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

20 + vinte =